Conecte-se conosco




Política

Polícia prende homem em tentativa de assalto a caixa eletrônico

Publicado

em

Banco do Brasil tem caixa eletrônico roubado

A Polícia Militar de Salto, cidade localizada no interior de São Paulo, conseguiu prender um homem após ele invadir uma agência bancária na noite de domingo (2).

Segundo informações, a agência bancária fica localizada na Avenida Nove de Julho, área central da cidade, e durante ronda, os policiais avistaram um homem dentro do banco em atitude suspeita.

Polícia usa operação de guerra para acabar com quadrilha de roubos de carros

Na abordagem, o homem estava com R$ 1400 no bolso, além de uma ferramenta para tirar os envelopes do caixa eletrônico.

Com a chegada rápida dos militares, a ação para furtar o dinheiro do banco foi mal sucedida e o homem acabou preso.

Devido a ação, ele foi encaminhado à delegacia, onde está preso e aguarda os procedimentos judiciais.

Um caso com o mesmo procedimento a caixa eletrônico aconteceu em outubro do ano passado em Indaiatuba

udo começou quando os policiais notaram dois homens dentro da agência bancária em horário depois do expediente em atitudes bem suspeitas do que normalmente é. Princpalmete rondando o caixa eletrônico.

Ao serem abordados, ambos estavam em posse de alguns objetos que servem para cometer estes tipos de furtos, como fitas, pinças, tesoura e outros.

Os dois homens foram levados para a Delegacia de Polícia, onde prestaram depoimentos, e por não terem confessado nenhum crime e não serem pegos em flagrantes, acabaram liberados pelas autoridades policiais. Ficaram apenas fichados na delegacia.

Apesar de uma possível ação dos bandidos em furtar o caixa eletrônico da agência bancária da rua Quinze de Novembro, no Centro, os aparelhos não apresentaram qualquer normalidade.

O mais provável é que os homens estariam colocando a armadilha, seja para efetuar furtos do caixa eletrônico quando algum cliente fosse usar, ou alguma outra estratégia que pudesse retirar dinheiro do sistema de forma ilícita.

Com a ronda da polícia pela cidade, o crime pode ser evitado e o furto do caixa eletrônico não foi finalizado com sucesso para os bandidos.

Apesar de liberados, a Polícia Civil de Indaiatuba investiga a ação para saber se os homens fazem parte de alguma quadrilha, e se outras ações como essa podem acontecer na região nos próximos dias.

Furtos a caixas eletrônicos ou de explosão, estão invadindo o interior de São Paulo, onde os bandidos perceberam a vulnerabilidade do sistema e a grande concentração de dinheiro que as agências possuem. Assim se tornam vítimas fáceis para a ação dos criminosos.

O conteúdo do site é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.



Política

Vereadora humilha lavrador após acusações de mal tratos contra animais, mas acaba detonada nas redes sociais

Publicado

em

Vereadora de Sobradinho causa polêmica

A Vereadora Clauria Ruoso, da cidade de Sobradinho, do Rio Grande do Sul, se viu envolvida em uma polemica depois que postou um vídeo nas suas redes sociais da qual mostra realizando uma abordagem de um morador da cidade que estaria cometendo maus tratos contra animais.

Vereador mais popular de Indaiatuba é condenado a 10 anos de prisão por improbidade administrativa

No vídeo, Clauria chega ao local de residência do lavrador, que bastante humilde, se resume apenas a responder as perguntas dos policiais e dos parlamentares.

Segundo a vereadora, João Carlos Muller, conhecido como Kakati, maltratava os cachorros da casa, cometendo até mesmo zoofilia, que é a ação sexual com animais. Essa informação teria sido passada pela ONG Amigos dos Melhores Amigos, e como defensora dos animais, ela foi verificar o ocorrido.

Mas, o vídeo que tinha tudo para gerar revolta contra o homem, acabou virando a situação, e a vereadora foi acusada de preconceito, recebendo uma enxurrada de críticas nas redes sociais.

Tudo porque, além de criticar a forma como os animais eram cuidados, a vereadora Clauria Ruoso humilha a residência do lavrador e sua condição financeira. Além de alegar que não teria como ele dar banho nos cachorros, "porque ele era porco e não tomava banho".

Após as críticas com a divulgação do vídeo, a vereadora postou uma mensagem na internet pedindo desculpas pelo acontecido, e que a intenção da abordagem não foi humilhar ninguém, e sim ajudar os cachorros, que segundo denúncias, estariam recebendo maus tratos.

Mas, na mesma postagem, ela aproveitou para fazer um xingamento sobre quem não estava acreditando na sua "boa vontade", deixando bem claro que críticas não são bem-vindas em seu mandado.

Apesar do pedido de desculpa, os moradores de Sobradinho estão revoltados, pedindo uma punição para a vereadora, que segundo eles, não respeitou a condição humilde do morador, colocando a pobreza acima das denúncias de maus tratos.

O conteúdo do site é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.



Vereadora humilha lavrador após acusações de mal tratos contra animais, mas acaba detonada nas redes sociais
Continue Lendo

Política

Prefeito de Indaiatuba apresenta projeto de melhorias para o Rio Jundiaí a ministro

Publicado

em

Obras para o Rio Jundiaí

O prefeito de Indaiatuba, Nilson Gaspar (MDB), esteve em Brasília na última semana, juntamente com superintendente adjunta do Saae, Vanessa Kühl, para apresentar o "Programa Integrado de Saneamento e Recursos Hídricos de Indaiatuba /SP - Rio Jundiaí Limpo".

O projeto de melhorias para a bacia do Rio Jundiaí foi apresentado para o Ministério da Economia e representantes de setores ligados aos Recursos Externos.

No projeto, obras importantes serão realizadas na margem esquerda do rio, onde está a região de Itaici.

Dentre as mudanças, o foco é a construção de uma nova Estação de Tratamento de Água, reservatórios, adutoras, interceptor de esgotos na margem esquerda do Rio e implantação da segunda fase do projeto de distribuição de Água de Reuso.

O encontro com o Ministério da Economia se deu devido a cidade de Indaiatuba ser selecionada pela Comissão de Financiamento Externo.

Com essa comissão, diferentes órgãos da Esfera Federal, entre eles a Secretaria de Assuntos Internacionais do Ministério da Fazenda - SAIN/MF, escolheram Indaiatuba para receber o investimento após uma análise do projeto.

Agora, será feita uma consulta para saber sobre como funciona o programa, as vantagens dele para a cidade, e se a COFIEX ver como positivo, autoriza a assinatura do contrato.

Portanto, esses projetos que podem beneficiar Indaiatuba são realizados com recursos de organismos internacionais como o Fundo Internacional para o Desenvolvimento da Agricultura (Fida), o Green Climate Fund (GCF), o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), o Novo Banco de Desenvolvimento (NDB), o Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) e o Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata).

Resta aguardar agora se o "Programa Integrado de Saneamento e Recursos Hídricos de Indaiatuba /SP - Rio Jundiaí Limpo" será aprovado pelos órgãos competentes em Brasília a fim de trazer benefícios a população da cidade em curto e médio tempo.

O conteúdo do site é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.



Continue Lendo

Política

Vereador mais popular de Indaiatuba é condenado a 10 anos de prisão por improbidade administrativa

Publicado

em

Vereador Pepo condenado a prisão

Uma notícia pegou os moradores de Indaiatuba de surpresa depois que o vereador Jorge Luis Lepinsk, conhecido por Pepo, um dos mais populares da cidade, foi condenado pela justiça por improbidade administrativa.

+ Motorista autônomo é preso por suspeita de tráfico de drogas em no interior de São Paulo

De acordo com o Ministério Público, a acusação é que estaria ligado a um desvio de R$ 8 mil reais, que deveria ter sido destinado a um bloco de Carnaval em 2013. Mas acabou sendo usado por Pepo para despesas próprias.

Apesar do inquérito e das provas do MP, a defesa do vereador Pepo alega que o mesmo está sendo vítima de perseguição por adversários políticos, que com invejas do seu mandato, estariam levantando falsas acusações contra ele.

Por isso, o vereador divulgou uma nota à imprensa esclarecendo os fatos para dizer que é inocente, e que irá recorrer da ação:

"Após a condenação arbitrária e de cunho político prolatada pelo Juiz da Vara Criminal da Comarca de Indaiatuba, a defesa do Vereador Jorge Lepinsk, o Pepo da Habitação, informa que apresentará, no prazo legal, os Embargos de Declaração por conta das Contradições, Omissões e Obscuridades que existem na referida Decisão. Isto porque, a instrução criminal colhida nestes autos demonstra a inocência do Vereador, que foi acusado injustamente de cometer um ato ilícito em 2013, quando então era apenas assessor da Secretaria de Habitação de Indaiatuba. Caso seja mantida a condenação pelo juízo desta Comarca, a defesa apresentará Recurso de Apelação para o Tribunal de Justiça de São Paulo. Na esperança de desarticular essa verdadeira perseguição política que o Judiciário local insiste em perpetrar contra o Grupo Político a que pertence o Vereador Pepo, este reafirma sua plena confiança na sua absolvição em Instâncias Superiores".

A condenação do vereador Jorge Luis Lepinsk, , mostra que a cidade de Indaiatuba está cansada de tanta corrupção e erros que foram seguidas em gestões passadas. Tais fatos de Pepo e de outros vereadores não serão aceitas agora.

O conteúdo do site é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.



Continue Lendo

POPULARES